17 de abril de 2024, Porto Alegre / RS

MENSAGEM DO GRÃO-MESTRE ESTADUAL, SOBRE AS MANIFESTAÇÕES DE 13 DE MARÇO DE 2016

Respondendo a diversos questionamentos que temos recebido, a respeito do posicionamento da Obediência com relação ao ato cívico-popular que está sendo convocado para o próximo domingo 13 de março, em todo o Brasil, peço que assistam o vídeo postado no site do GOB (www.gob.org.br). Neste vídeo, o nosso Soberano Grão-Mestre Geral, Irmão Marcos José da Silva, manifesta o respeito que tem a Instituição com as individualidades e insta a agir de acordo a como manda a consciência de cada um de nós, mas informando que não se deve envolver o nome do Grande Oriente do Brasil, tanto federal como os estaduais, nestas manifestações.

Assim sendo, informo que o GOB-RS, como integrante da Federação, não participará deste evento como instituição, nem estará representado oficialmente por qualquer Loja e/ou Obreiro.

Independente disso, a nossa Organização tem manifestado a sua preocupação e repúdio pela corrupção que se alastrou e institucionalizou no pais, o que foi materializado através da Campanha de apoio ao projeto “10 Medidas contra a Corrupção”, do Ministério Público Federal, decidida pela Suprema Congregação, levada a cabo em Brasília, em setembro de 2015, e ratificada no Rio Grande do Sul, pela Poderosa Congregação que se reuniu em Porto Alegre, em novembro do passado ano.

Justamente, através da destacada atuação do Ministério Público Federal, principalmente na Operação Lava-Jato, liderada de forma contundente pelo valente Juiz Sérgio Moro, está ficando cada vez mais em evidência o nível de corrupção praticado por agentes públicos e alguns empresários, como nunca se viu em nosso país e a necessidade premente de que os culpados sejam severamente punidos, independentemente de partidos políticos ou posições e cargos que ocupem ou tenham ocupado em diferentes Governos.

Cada vez fica mais evidente, também, a crise ética e moral na qual nosso país está submerso e a total falta de compromisso, responsabilidade e respeito que uma parte dos governantes tem para com a população. Os mesmos que fomentaram, de forma proposital ou por incompetência, a atual crise econômica, social, na segurança pública, na saúde e na educação.

Neste domingo, homens livres e de bons costumes, teremos a oportunidade de demonstrar a nossa indignação e revolta pelo sucateamento do pais, a mãos de um grupo que vem dando claras provas de só estar interessado num projeto de poder e no próprio benefício.

Como livres pensadores que somos, cada Irmão estará no seu direito de escolher qual será a sua posição e independente da forma em que decida exercer a sua cidadania, terá todo o nosso respeito e carinho. E mais, nossa luta contra a corrupção não dever estar centrada em um ou outro governo, nem contra um ou outro partido político, mas sim em combater a todos os corruptos.

Por isso, meus caríssimos Irmãos, na tarde de 13 de março estarei presente junto a minha família, como cidadãos brasileiros, exercendo o nosso direito de manifestar-nos, de forma pacífica, ordeira e democrática, em favor do Brasil e contra todos aqueles que estão empenhados em destruí-lo. Convido e incentivo a todos os Irmãos que compartilhem o nosso pensamento, para aderir as mobilizações em suas respectivas Cidades.

Devemos ter especial cuidado com a nossa segurança e daqueles familiares e amigos que nos acompanhem, pelas eventuais atitudes de grupos que estão sendo convocados para mobilizações paralelas, em atitude claramente provocativa e, não é de duvidar, com o propósito de fomentar o caos. Devemos seguir as orientações dadas pelos organizadores e pelas autoridades policiais, para evitar e deixar em evidência, ações de revoltosos.

“De tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantar-se o poder nas mãos dos maus, o homem chega a rir-se da honra, desanimar-se da justiça e ter vergonha de ser honesto.”

Lembremos desta famosa frase de Rui Barbosa e lutemos para que isso não aconteça!

Muito obrigado !

Um forte e fraterno abraço,

Jorge Pedron de las Llanas

Grão-Mestre Estadual

Fundada em 14 de julho de 1981, com personalidade jurídica de direito privado, simbólica, regular e legítima, sem fins lucrativos.

Telefones
51 3226.9877 │ 51 3225.9982 │ 51 3212.3907

Sede 17 de Junho

Rua Dezessete de Junho, 436 - Menino Deus Porto Alegre - RS. CEP 90110-170

Palácio Duque de Caxias

Rua Washington Luiz, 214 - Centro Histórico, Porto Alegre - RS - CEP 90010-460

GOB-RS - Gestão 2023. Todos os Direitos Reservados